Expoalagoas Genética apresenta novidades do setor

Álvaro Almeida (Faeal), Domício Silva (ACA) e Zezinho Nogueira (Fiea)

Com informações da Gazeta Rural

Em sua nona edição, a Expoalagoas Genética movimenta cada vez mais o Parque da Pecuária, em Maceió. Promovido pela Associação dos Criadores de Alagoas – ACA –, o evento começou no último dia 13 e segue até o próximo domingo, 19, com palestras, cursos, julgamentos, competições equestres e leilões. O objetivo é impulsionar a cadeia produtiva de carne e leite alagoana.

O presidente da ACA, Domício Silva, avalia o crescimento da Expoalagoas Genética ao longo dos anos. “Este evento nasceu pequeno e hoje está consolidado como o maior do primeiro semestre, no Norte e Nordeste, com a participação de criadores de toda a região, uma qualidade genética muito grande, um número de animais recorde – cerca de 1.400 passando pelo parque –, e uma programação com foco em trazer o que há de melhor da genética para os produtores locais”.

Para o presidente da Federação da Agricultura e Pecuáriado Estado de Alagoas – Faeal –, Álvaro Almeida, a Expoalagoas Genética é uma grande oportunidade de troca de conhecimentos e experiências. “É um grande encontro de pecuaristas para debater assuntos relacionados ao agro e fazer negócios. Parabenizo a diretoria da ACA, em nome do Domício, e convido a todos para que participem deste evento tão importante para o desenvolvimento do setor”, diz.

Referência no segmento agropecuário regional, a Expoalagoas Genética vai apresenta as novidades do setor em pesquisas, produtividade e na geração de negócios no segmento de bovinos, equinos e ovinos. A expectativa dos organizadores é de que sejam gerados R$ 5 milhões em vendas e negócios com a realização dos leilões: “Alagoas Santa Inês”, na sexta-feira (17); “Vaquejada e Trabalho”, no sábado (18) e “Genética de Berço”, no domingo (19).

COMPARTILHAR